Resenha do livro: Extraordinário de R.J.Palacio

sábado, 20 de julho de 2013



                  Título original: Wonder
                  Editora Intrínseca
                  Literatura estrangeira/Ficção
                  Número de páginas: 318



Sinopse: August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso ele nunca frequentou uma escola de verdade... até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.
Narrado da perspectiva de Auggie e também de seus familiares e amigos, com momentos comoventes e outros descontraídos, Extraordinário consegue captar o impacto que um menino pode causar na vida e no comportamento de todos, família, amigos e comunidade - um impacto forte, comovente e, sem dúvida nenhuma, extraordinariamente positivo, que vai tocar todo tipo de leitor.


Extraordinário é um livro muito sensível e tocante que nos apresenta várias lições de vida sobre a aparência, a amizade, a família, o bullying e o preconceito. O livro mexeu muito comigo porque em muitos momentos eu me senti o August, o protagonista da história que tem 10 anos e nasceu com uma doença que deformou seu rosto, ou a família e as pessoas próximas a ele. 

Imagine só: você ter tido a "sorte" de nascer com uma doença genética super rara, a diostose bucomaxilofacial, que é o seu problema principal. Essa é a realidade de August ou Auggie, como ele é chamado. Sua mãe, seu pai e sua irmã mais velha Via, são incríveis e fazem o possível para que sua vida seja alegre e normal como de qualquer outra criança porque embora August seja diferente, o tratam com muito amor e dedicação. Uma curiosidade: a família da mãe de August é brasileira :) 

"Se eu encontrasse uma lâmpada mágica e pudesse fazer um desejo, pediria para ter um rosto comum, em que ninguém nunca prestasse atenção." pág 11

Esse livro é daqueles que te prendem já nas primeiras páginas e apesar de ter a narrativa bem simples com capítulos super curtinhos (todo começo de capítulo tem um título que deixou o livro bem dinâmico) trata de um assunto pesado, mas que é escrito de maneira delicada e envolvente. A narrativa está em primeira pessoa com boa parte do livro contada pelo Auggie e as outras por Via; Miranda; Jack, seu amigo; Justin, namorado de Via e Summer, sua amiga. Em cada parte vamos conhecemos os sentimentos dessas pessoas e como é sua relação com o August. 

August é uma criança normal, exceto pela sua deformação facial que o faz enfrentar uma batalha todos os dias pelos olhares horrorizados e gritos das crianças que o encontram em qualquer lugar. Ele sofre muito com isso porque só quer ser uma criança como outra qualquer que ninguém fica encarando. Ele fez dezenas de cirurgias de reparação e por esse motivo não foi à escola até os 10 anos, porém sua família decide e ele próprio concorda em ir para a escola para que possa iniciar uma nova fase em sua vida e é aí que a história do livro se desenrola. Ele começará o 5º ano. 

Acompanhamos as dificuldades e situações que August passa na escola (crianças conseguem ser muito maldosas), mas apesar de todo percalço ele encontrará pessoas maravilhosas que o aceitam como ele é. Os primeiros dias de aula são horríveis para Auggie por ele ser uma novidade, mas no decorrer do ano uma boa parte das crianças vão se acostumando com sua aparência e todos descobrirão como August é extraordinário mesmo. 


"Ela não acha que eu seja comum. Diz que acha, mas, se eu fosse comum, ela não precisaria me proteger tanto. Mamãe e papai também não me acham comum. Eles me acham extraordinário. Talvez a única pessoa no mundo que percebe o quanto sou comum seja eu. Aliás, meu nome é August. Não vou descrever minha aparência. Não importa o que você esteja pensando, porque provavelmente é pior." pág 11

Durante a leitura do livro eu fiquei morrendo de vontade de abraçar o August e lhe falar palavras de incentivo porque ele é uma criança especial em sua essência. Ele não se faz de coitadinho e tem muito bom humor, o que achei demais, apesar de sofrer com as reações dos outros. Com todo o amor que ele recebe em casa, ele consegue enfrentar as adversidades da vida e conhecer pessoas super legais. No começo ele passa por situações terríveis de bullying que é um trauma para qualquer criança e é muito difícil para ele. A amizade entre ele e sua cachorrinha é a coisa mais linda porque ela o aceita incondicionalmente independente da aparência de seu rosto e me emocionei numa cena entre eles. 

A diagramação está super caprichada com desenho e frase no começo de cada parte, as páginas são amareladas e a capa está simples, mas graciosa. A Intrínseca caprichou muito no livro *.* e ele se tornou um dos meus favoritos porque me emocionou muito, principalmente no final, e por trazer uma mensagem tão linda de uma forma leve e inocente.

Adorei os preceitos que o professor Sr. Browne passava para os alunos. Todas as frases tem uma mensagem muito verdadeira como "Quando tiver que escolher entre estar certo e ser gentil, escolha ser gentil" e "Seus feitos são seus monumentos" e no final do ano cada aluno criou a sua. A do Auggie é linda! Um detalhe que tenho que citar é a escola do Auggie fazia muitas atividades onde os familiares iam prestigiar depois (o que era momentos difíceis para ele com tanta gente estranha o encarando) e uma dessas atividades foi o Museu Egípcio onde os alunos criaram estátuas, objetos, construções e se fantasiaram no dia de múmias, arqueólogos, etc. OBS: Isso seria um sonho se tivesse acontecido na minha escola porque amo o Egito rs.

Extraordinário é um livro fantástico e pensar no August já me deixa feliz porque ele é uma inspiração. A linguagem é ótima para qualquer idade e a história é tocante, divertida e que nos faz pensar. Recomendo para todos porque é uma leitura quase obrigatória :)

47 comentários:

  1. Oi Joyce! Nunca vi uma resenha negativa deste livro, parece ser uma história triste, mas que encanta, e pelo visto aborda temas bem sérios e muito emocionais. Excelente resenha.

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cida,
      A história é realmente encantadora!
      Obrigada
      bjs

      Excluir
  2. Oie :)

    Nossa eu amei Extraordinário foi um livro que me inspirou demais e que me deu complemento de vida, beijos !!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriel,
      É um livro maravilhoso mesmo. Lindo!!!!
      bjs

      Excluir
  3. Olá, Joyce
    Eu ando com muita vontade de ler esse livro. Só tenho visto resenhas positivas e logo creio que o livro deva ser muito bom mesmo. Acho a capa linda e amei sua resenha.

    http://compulsivebookaholic.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Matheus,
      Leia sim, vale super a pena.
      Obrigada
      bjs

      Excluir
  4. Ja vi muitas pessoas falando desse livro, Gostei da sua resenha!

    Estou te seguindo! Se puder me segue tbm!
    Beijooos
    Bell

    http://contosdoguerreiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. ei Joyce, eu também amei esse livro, está no top dos melhores que li no ano e também nos melhores que já li na vida! Eu adorei a narração, ainda mais porque variou de personagem, mas sempre pegando o ponto de vistas das crianças e adolescentes! fofo demais
    bjus
    Ei Luh, adorei as respostas. Eu também sou super ansiosa e já joguei atari, rs, embora tenha pegado a fase forte do Master e Mega Drive, rs. Eu fui filha única por 10 anos, então te entendo, porque o sonho da minha vida era ter um irmão, e hoje tenho 2!

    bjus
    meumundinhoficticio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bru,
      Esse livro é lindo, né :) Super fofo!!!
      bjs

      Excluir
  6. Lindona, Adorei seu blog, o conteúdo, o layout.. Tudo muito organizadinho, completo e fofo. Já segui e vou acompanhar sempre, viu?
    Se quiser dar uma passadinha pelo meu, vou adorar. (PS: Muita gente me pergunta onde seguir meu blog, é só curtir a FanPage no lado esquerdo do blog onde diz ''Seguidores - Show your love". Te espero lá. ;)

    Beijos e sucesso!
    (BLOG: http://bylarissamocellin.blogspot.com.br/
    CANAL no YOUTUBE: https://www.youtube.com/user/bylarissamocellin
    FANPAGE: http://www.facebook.com/pages/Larissa-Mocellin/255540271215586
    INSTAGRAM: http://instagram.com/bylarissamocellin)

    ResponderExcluir
  7. As vezes fico empolgada querendo ler esse livro, mas tenho medo que seja dramático demais, meloso demais, sabe? Mas a história do Auggie parece ser realmente inspiradora e isso me encoraja um pouco. ótima resenha!

    Beijos,
    biblioteca-de-resenhas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mariana,
      Leia sim, ele é muito bem dosado e não é meloso demais.
      Obrigada
      bjs

      Excluir
  8. Parabéns pela resenha Joyce. A tempos vejo sobre este livro, quem sabe não o leio agora. rsrs

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fernanda,
      Obrigada querida.
      Leia sim :)
      bjs

      Excluir
  9. Falam muito bem desse livro
    E ele trás uma mensagem tão atual que deve ser debatida

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angela,
      Ele traz mesmo, é um assunto super atual.
      bjs

      Excluir
  10. Oi Joyce.
    Todos falam bem desse livro, mas eu to numa ressaca literária que ta difícil chegar a esse livro.... ta tudo se acumlando por aqui.
    Mas enfim, a resenha me deixou ainda mais curiosa pra conhecer o August.

    Beijos
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Patricia,
      Que bom que ficou curiosa, leia sim que é lindo!
      bjs

      Excluir
  11. Oii Joyce !!
    Ahhh eu AMO esse livro *-*
    Chorei vaarias vezes com ele!!
    É realmente um livro mto sensível e que eu recomendo pra todo mundo ler pq ele ensina mto!!
    Eu morri de vontade de abraçar o August tbm!!
    É um livro maravilhoso *-*
    Bjoos sz
    http://chacombolacha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lih,
      Eu também amei <3 e recomendo muito.
      bjs

      Excluir
  12. Flor!
    Eu amei esse livro!
    Muita sensibilidade num livro só!
    Também adorei os preceitos!
    Linda resenha
    Beijinhos
    Rizia - Livroterapias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rízia,
      É muito sensível, eu amei!
      Obrigada
      bjs

      Excluir
  13. Bom dia Joyce,

    Este livro esta na minha lista de desejados, só leio resenha positivas dele e a sua não é diferente...parabéns...abraços.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Ainda não tinha visto esse livro, eu adorei sua resenha, me deixou bem curiosa. Parabéns ;)

    Beijos! ♥
    http://viajantesdaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Parabéns pela resenha! Não é o tipo de livro que costumo ler, mas parece ser muito bom e tocante.

    bjo
    Pah
    dicalivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Esse livro é simplesmente PERFEITO. Foi um dos melhores que li esse ano, sem sombra alguma de dúvidas. O tema abordado nele é super atual e a autora trata dele de uma forma tão tocante que eu poderia passar a noite toda aqui falando de Extraordinário. =D Não tem como dar menos de 5 estrelas, né?

    beijos
    Kel
    porumaboaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kel,
      Concordo com você!!!!
      Não tem como mesmo, ele é 5 estrelas!!!!
      bjs

      Excluir
  17. Ei Joyce, tenho uma tag para você, espero que goste: http://meumundinhoficticio.blogspot.com.br/2013/07/tag-20-vamos-responder-e-10-books.html

    bjus

    ResponderExcluir
  18. Eu quero muito ler esse livro, parece realmente uma história tocante.
    adorei.

    http://www.lostgirlygirl.com

    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Michelle,
      É uma história linda, você tem que ler.
      bjs

      Excluir
  19. Este é, sem dúvida, um dos melhores livros que já li na vida.
    Parabéns pela resenha!

    decaranasletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sergio,
      Também o considero um dos melhores!
      Obrigada
      bjs

      Excluir
  20. legal, minha irma tem esse livro e eu tenho vontade de ler!

    www.leitorinas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  21. Queria saber quais as três passagens mais marcante do livro ? tenho que saber isso até amanha um trabalho. Obrigado

    ResponderExcluir
  22. Esse livro é maravilhoso...
    http://blogumagarotadiferente.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  23. Tem mais alguma indicação nessa linha? :)

    ResponderExcluir
  24. Qual o nome da autora sem abreviações?

    ResponderExcluir
  25. Acabei de ler ele ontem e a primeira coisa que me veio a cabeça foi em como algumas crianças podem ser maldosas. As vezes por não entender, ou até mesmo por causa de como são criados. Provavelmente eu seria uma dessas crianças que ficariam um pouco assustadas e agiria um pouco mal, a maioria das crianças não estão prontas para o desconhecido.. E fiquei pensando no que podemos fazer pra mudar isso... Penso que, infelizmente hoje em dia os país não conversam muito com os filhos pra lhes ensinar o certo e errado. E daí conversar com os filhos é um grande passo pra não deixar que sejam maldosos ou que sejam os alvos, e mesmo que sejam os alvos ajudar eles a lidar com isso. Eu adorei o livro e adorei o Auggie! É uma leitura super leve e com boas lições!

    ResponderExcluir
  26. Gostei de sua resenha,mas posso pedir uma pergunta do livro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A pergunta é: A frase mais importantes do livro

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o blog.
Deixe seu link para que eu possa retribuir.
Obrigada e volte sempre :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...