Resenha do livro: Tentação ao Pôr do Sol de Lisa Kleypas

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014




                          Título original: Tempt me at twilight
                          Editora Arqueiro
                          Literatura estrangeira/Romance de época
                          Número de páginas: 272


Poppy Hathaway está em Londres para sua terceira temporada de eventos sociais. Como nos dois anos anteriores, ela se hospedou com a família no hotel Rutledge. E, como nos dois anos anteriores, tudo indica que retornará a Hampshire sem ter encontrado um pretendente com quem se casar. Apesar de ser extremamente bonita e gentil, Poppy tem duas grandes desvantagens em relação às outras moças: sua inteligência deixa muitos homens acuados e o fato de vir de uma família tão pouco convencional faz com que os melhores partidos nem sequer a abordem. Mas o destino a coloca no caminho de Harry Rutledge, um homem de passado triste, que venceu na vida por conta própria e aprendeu a encarar tudo como um negócio. O dono do hotel não ama ninguém, confia em poucos e manipula todos. Porém, mesmo sendo tudo o que Poppy nunca almejou, ela não pode negar o fascínio que sente por ele. Quando Harry conhece Poppy, é tomado pelo desejo. Ele imediatamente tem a certeza de que a jovem será sua – e, para o bem ou para o mal, não mede esforços para que isso aconteça. 



Tentação ao Pôr do Sol é o terceiro livro da série "Os Hathaways" que pode ser lido individualmente porque as histórias são fechadas, porém é mais interessante seguir a ordem de publicação para acompanhar os personagens. Quem me conhece, sabe que amo romances de época e essa série é maravilhosa, além de ter capas deslumbrantes (me imagino usando esses vestidos hahaha).

A história é sobre Poppy Hathaway que já está na sua terceira temporada de eventos sociais, ou seja, para arranjar um marido, porém sem sucesso. Poppy é uma jovem muito inteligente, o que acaba acuando os homens que preferem ter esposas submissas. Além de tudo, sua família não é nada convencional, já que suas irmãs são casadas com ciganos, seu irmão é um devasso e sua irmã é louca por bichos, fazendo com que os pretendente se afastem cada vez mais.

Só que Poppy vem sendo cortejada discretamente por um rapaz da sociedade que tem medo da reação do pai sobre se casar com ela e está adiando firmar um compromisso mais sério. Enquanto isso, ela conhece Harry Rutledge, o charmoso, discreto e misterioso dono do hotel em que todos estão hospedados e que fica absolutamente encantado por  ela e vai fazer de tudo para tê-la, até praticar métodos nada honestos.

"Além do mais, acreditava que merecia Poppy, Qualquer homem que tivesse a chance de ter uma mulher como ela e se deixasse deter por escrúpulos era um idiota". Pág 94

Harry é um protagonista vilão que tem uma história de vida sofrida e que teve que se proteger emocionalmente no passado para sobreviver a tudo isso, contudo, se transformou num homem que não acredita no amor e que vive para o trabalho, inclusive, mora no hotel. Quando conhece Poppy, ele fica surpreso com sua inteligência, sua vivacidade e a quer de qualquer jeito. Só que Poppy fica confusa com as atitudes de Harry e reluta nessa aproximação.

O relacionamento entre eles não é nada fácil porque Harry vai ter que mudar sua forma de ver a vida e Poppy vai ter que ter paciência para que isso ocorra. Também existe um mistério entre Harry e Srta. Mark, a dama de companhia da família que quer afastá-lo de Poppy. A história entre Harry e Poppy é cheia de dificuldades, mas o amor é capaz de tudo.

Esse livro já é um dos meus favoritos da série porque Poppy é uma protagonista forte, determinada e que tem seus medos, porém acredita na felicidade. Harry por outro lado tem seus momentos cruéis, mas não é uma má pessoa, e eu o adorei por ter essa fragilidade e a surpresa da descoberta do amor. Eles formam um casal bem fofo.

livro terminou com a deixa para o próximo que será entre Marks e Leo, o irmão da família e estou bem curiosa para ler" Manhã de Núpcias"A narrativa está na terceira pessoa e é muito fluída e gostosa de ler, a capa é belíssima, a diagramação é simples e as páginas são amareladas. Super recomendado para os fãs da série e para quem aprecia um bom romance de época!

8 comentários:

  1. Olá Joyce,

    Essa série é super bem falada, gosto de romances de época, mas essa mesmo com resenhas positivas não me despertou interesse....parabéns pela sua resenha...abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. OI Flor!
    Essa resenha foi um arraso! Amei!
    Eu vou ler esse logo! Já li os dois primeiros e virei fã da autora!
    Quero conhecer mais essa mocinha forte!
    Beijos
    Ps:Especial de despedida Saga Divergente! Livro:Convergente - Divergente - Livro 3 - Veronica Roth
    http://overdoselite.blogspot.com.br/2014/02/especial-de-despedida-saga-divergente.html

    ResponderExcluir
  3. Oii Joyce, temos algo em comum então, hehehe, eu também adoro romances de época, e também penso/imagino os vestidos, hahahaha.

    Já tinha ouvido falar da série, fiquei bem animada com sua resenha, acho que vou adorar, já adicionei na Wish, adorei, beijos!!!

    Espero você lá no Traduzindo Sonhos!! <3 <3

    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,
      Super em comum rsrsrs
      Leia sim que vale a pena *.*
      bjs

      Excluir
  4. Já li esse livro um dia desses e amei
    Esse romance é bem diferente dos outros da série e Harry é apaixonante

    Beijos
    @pocketlibro
    http://pocketlibro.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Angela,
      É diferente mesmo, mas é apaixonante.
      bjs

      Excluir

Seu comentário é muito importante para o blog.
Deixe seu link para que eu possa retribuir.
Obrigada e volte sempre :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...